Our social:

17 de agosto de 2016

Testes de Aquário (Ph, nitrito, amônia, etc ) e sua importância !

Conjunto dos Testes para Aquários




Vamos lá ! Quando aprendemos um pouco mais sobre o nosso hobby, sabemos que nem sempre quando a água do nosso aquário está límpida e cristalina significa que nossos peixinhos estão em segurança. 

Para termos essa certeza, somente realizando os testes. 
Atualmente, encontramos conjuntos para a realização dos mesmos, destinados a nos orientar quanto a qualidade de água do nosso aquário. 
Se formos pesquisar mais à fundo, existem testes praticamente para quase tudo ! (oxigênio dissolvido, gás carbônico dissolvido, fosfato, cálcio, amônia, nitrito, nitrato, pH, potencial redox, condutividade e o que mais você imaginar que possa estar dissolvido na água e ser de alguma importância para o estado geral do aquário e dos peixes) !!!
Com vários fabricantes, temos desde os mais simples e fáceis, até os mais sofisticados.

Vou ter que comprar todos esses conjuntos de testes? 


Isso vai depender do tipo de aquarista que você quer se tornar, que tipo de aquário pretende ter e qual espécies de seres nele contida (peixes, plantas, moluscos, crustáceos, etc.). Se o seu aquário for de água salgada, por exemplo, você deverá ter sim um conjunto completo de testes para água salgada, visto que os organismos que vivem neste tipo de aquário apresentam exigências mais estritas, quanto à qualidade e composição da água que os similares que vivem em água doce.


 Podemos dizer a mesma coisa se sua ambição é montar um aquário plantado “SHOW” com a única exceção de que agora você precisa é de um conjunto de testes próprio para aquários plantados. 

De um modo geral, um aquarista iniciante (que possui somente um aquário de água doce despretensioso) costuma efetuar, regularmente, apenas três ou quatro testes. Ou seja, um teste de pH, um teste de amônia, um teste de nitrito e um teste para nitrato (este último especialmente importante no caso de peixes grandes – Aquarismo Jumbo – ou ciprinídeos de grande porte (kínguios e carpas) que devido ao grande volume corporal e conseqüente quantidade de resíduos nitrogenados que produzem e excretam necessitam maiores volumes de trocas parciais de água e o emprego de elementos filtrantes especiais ou filtros denitradores. 

Mas não se engane pelo visual ! Os testes são ferramentas importantes para comprovar que tudo está bem com o seu aquário, em especial, durante os primeiros meses de instalação e durante todo o seu processo de ciclagem. Durante esse período, as condições da água deverão ser monitoradas com regularidade. O teste de pH será realizado, pelo menos duas vezes por semana antes de cada troca de água para verificarmos se não houve variação no decorrer da semana e durante o procedimento de troca de água (para aferirmos as condições da água que será reposta no aquário), já os testes de amônia, nitritos e nitratos serão realizados apenas uma vez por semana (para conferir o andamento da instalação da filtração biológica, e , no caso do teste de nitrato para confirmar que o volume de água trocado por semana está adequado para a carga orgânica – quantidade de peixes – alojada no aquário). 

Alguns aquaristas durante a fase de maturação do aquário chegam a efetuar testes diários. Não considero esse um procedimento exagerado, visto que a monitoração diária das variações que ocorrem nas primeiras fases da montagem de um aquário nos ensina muito sobre o processo global. Decorridos uns seis meses, ou um pouco mais, com o aquário já estabilizado é possível relaxar um pouco e efetuar os testes de amônia, nitrito e nitrato, a cada 15 dias ou um mês de intervalo.


É importante também sempre ter os testes em mãos, pois à medida que você percebe algum comportamento diferente no peixe, uma das primeiras alternativas é com a verificação do teste saber o que está acontecendo. Uma variação de ph? A amônia subiu? Com os testes podemos ter a certeza e com isso realizar o procedimento correto em nosso aquário.

Ainda não possui algum teste ? Confira essa PROMOÇÃO da Loja Virtual Aquarismo Iniciante no site :  LOJA AQUARISMO INICIANTE

Veja o vídeo : 
Medindo a Amônia Tóxica
https://www.youtube.com/watch?v=2fF1JWb18HU

0 comentários:

Postar um comentário